Barriga a tremer? Será um telemóvel?

telemóvel

Hanan Mahmoud Abdul Karim, de 36 anos, estava grávida e foi para o hospital para o momento do parto que estava previsto para o dia 24 de Abril. Ah temos de dizer que esta mulher foi seguida e atendida durante este processo num hospital privado de Amã, na Jordânia.

E diz-se que durante o parto, o ginecologista jordano, que estava a cuidar da paciente, terá deixado o seu telemóvel dentro da barriga de Karim, que deu acabou por dar à luz um bebé de 4,8 kg.

Majeda Abdul Hamid, a mãe da recente mamã, disse que notou qualquer coisa estranha na barriga da filha. Qualquer coisa como uma vibração na barriga depois de ela ter tido alta e ter regressado a casa.

“A minha filha sofreu graves dores e não conseguia mover-se. Levei-a de volta ao hospital, onde nada foi feito por ela”, disse Majeda.

Karim foi internada no serviço de urgência do hospital público Al Bashir, em Amã, onde um exame de raio-X revelou um objecto estranho dentro da sua barriga. Ela foi operada e o objecto estranho foi descoberto e retirado. E sabem o que era este objecto? Era um telemóvel! Parece que o senhor doutor deixou o seu telemóvel, acidentalmente, no abdómen desta paciente durante a sua cesariana. Uau, que cuidados que ela teve!

Claro que o caso de Karim se tornou num escândalo no país e chegou aos ouvidos do governo da Jordânia.

Hatem Al Azrae, porta-voz do Ministério da Saúde da Jordânia, disse que o caso de Hanan é “infundado e fabricado”, mas afirmou que o ministério vai averiguar a denúncia.

 

Unknown source

 

Leave a reply